Paraguai recebe Caravanas Missionárias das Santas Chagas de Jesus

18/06/2019 às 12:32

Momentos de profunda reflexão, de encontros com o Senhor, de cura e libertação. Assim foram os dias das Caravanas Missionárias das Santas Chagas de Jesus no Paraguai, de 31 de maio a 3 de junho, nas cidades de Irunha, Nova Esperança, Santo Domingo e Mbaracayú
Esta é a terceira vez que a equipe das Caravanas Missionárias vai ao Paraguai. Nas três edições, a condução foi do Padre Sérgio Bedin. “Estamos aqui, mais uma vez, para viver momentos de fé, para tomar posse de graças, para orarmos juntos e, também, para levar a mais pessoas a devoção a Jesus das Santas Chagas”, ressaltou o sacerdote ao iniciar a Caravana na primeira cidade.

Cada edição tem momentos muito especiais de pregação, Terço das Santas Chagas, passagem do ícone da devoção, Santa Missa, louvores e entrega de Capelinhas Peregrinas às Mensageiras. Em todas as paróquias, a Caravana foi muito bem acolhida pelos fiéis, que prepararam cafés e jantares de boas-vindas e confraternização, além de surpresas especiais, como apresentações típicas paraguaias e musical de jovens para receber o Padre e a equipe.

A cada dia, a devoção a Jesus das Santas Chagas chega a novas famílias no Paraguai, principalmente por meio dos grupos de oração das Mensageiras da Capelinha. As paróquias também passaram a conhecer melhor a devoção. “Comecei a conhecer e cada vez eu gosto mais. Quando as pessoas da Caravana chegaram, simples e descontraídas, sem regalias, nossa igreja matriz em Santa Rosa lotou. Aquilo foi enchendo o nosso coração de alegria. A partir disso, nós decidimos tratar com mais carinho essa devoção. Temos novas capelinhas, novas associadas da Evangelizar. Onde a Caravana chegar no Paraguai nossa paróquia tenta ir”, comemora Padre Clailson Barp, que recebeu a Caravana na segunda vez que esteve no País e participou das novas edições.

Gostaria de levar a Caravana para sua cidade? Clique aqui.

Em Irunha, o Padre Sérgio recebeu o ícone das Santas Chagas para levá-lo à paróquia

Passagem do ícone em Nova Esperança


Em Santo Domingo, antes do início da Caravana, houve uma dinâmica com os jovens


Mbaracayú recebeu a Caravana com muita emoção