Problemas em usar o site ou críticas? Entre em contato aqui. Compartilhe:

Testemunho de Filha de Londrina:

Padre Reginaldo sua benção, sou uma filha de Deus de Londrina PR, moro com meu marido a nove anos(ainda não nos casamos na igreja) padre e já havia traído ele outras vezes, mas passava e tudo ficava bem, e a mais ou menos um ano e meio reencontrei por uma rede social um rapaz de gostava muito de mim quando eu era adolescente, ele morou fora do pais por uns doze anos e voltou, para resumir começamos a nos falar via e-mail, mensagens e ligações, discutíamos e depois de um tempo voltávamos a manter contato de novo, passado alguns meses nos encontramos pessoalmente pois na época eu morava em outra cidade, e logo depois me mudei para a minha cidade de volta onde ele também mora, nos encontramos várias vezes, eu não queria saber de nada a não ser ele, eu estava com a cabeça virada, queria porque queria me separar do meu marido, não ligava para minha filha, era quase vinte e quatro horas grudada no celular com essa outra pessoa que também tem uma namorada, fazíamos planos em nos casar, ter filhos e tudo mais e quando foi agora no começo de Janeiro deste ano padre fomos para a cama, não me lembro ao certo quanto tempo foi mas foi rápido pois comecei a me sentir mal, suja, pecadora e tudo mais, pedi para que ele me levasse embora, e me deixasse em um determinado local, onde encontrei o meu marido, e decidi que tinha terminado tudo ali, não poderia continuar me enganando e enganando meu marido, passado dias (não me lembro quantos ao certo)uma das minha cunhadas me chamou e disse que tinha ido até o trabalho daquela pessoa e que sabia de tudo, chegou minha outra cunhada e minha sogra, eu não sabia se sentia mais medo ou mais vergonha, prometi para elas que não faria mais e que por favor não contassem ao meu marido pois não queria perdê-lo, elas aceitaram e para minha surpresa Padre do nada começou a me dar desesperos, medos, angústias, eu não dormia, não comia, só chorava, só pensava coisas ruins, pensava que estava com alguma doença, cheguei até fazer um exame de HIV,eu sabia que doença eu não tinha mas a dor da consciência pesava,o exame deu negativo graças a Deus, mas os medos e angústias, as aflições não passavam padre, eu já havia me confessado duas vezes, já tinha ido na frente do Santíssimo, e aquilo não passava, era horrível, cheguei a pensar que iria ficar daquele jeito, pensei em tomar alguma coisa e tirar a minha vida, meus pais moram em outro estado e estavam desesperados, minha filha só chorava pedindo pra eu sorrir, emagreci oito kilos, ouvia o senhor, fiz promessas, rezava dia e noite e nada de passar, as vezes melhorava e depois voltava, entrava em desespero ficar em casa sozinha, cada dia ficava em algum lugar com alguém ou ia com o meu marido no trabalho, quando foi dia 28/02/2013 de manhã estava chorando desesperada e o senhor pediu para que anotássemos aquele dia e na hora até melhorei, mas quando foi na hora do almoço passei mal, vomitei, e desesperada eu queria tirar aquilo de mim, queria contar para meu marido mas o medo de perdê-lo não me deixava e ninguém me aconselhava a fazer isso, minha sogra é um dos anjos que Deus colocou na minha vida, ela disse vai novamente aos pés do santíssimo e se abre, diz pra Ele que você já não sabe mais como pedir, tem alguma coisa dentro de você que Ele está esperando e então subimos até nossa paróquia, me ajoelhei na frente Dele, chorei, pedi, supliquei, depois minha sogre veio pegou minhas mãos e rezou muito lindo e forte comigo, e ela me disse que teria que fazer algo difícil, fazer uma promessa e foi aí que fiz, foi difícil pois um lado dizia faz e o outro dizia não faz, mas para ser curada e libertada Padre eu fiz, me ajoelhei novamente e fiz a minha promessa, estávamos saindo e encontramos o nosso pároco, então entramos na sala dele e logo minha sogra saiu, acho que fiquei mais de uma hora conversando com ele, contei tudo pois me deu uma crise de consciência e depressão eu acho de tudo que já havia feito: a minha traição, as brigas com meus pais quando eu era adolescente, os tapas que dei na bunda da minha filha quando ela devia ter uns dois anos e enfim, eu queria que Deus tirasse tudo aquilo de ruim que eu sentia, saí da igreja rindo e como Deus não faz nada pela metade no outro dia de manhã fomos a outra igreja que tem um momento de adoração ao Santíssimo, cura e libertação, e Deus falou muito ali comigo, chorei tanto, tanto, reencontrei uma amiga que estávamos afastadas por coisas bobas e o abraço e as palavras dela me ajudaram mais ainda, aquele dia senti uma paz tão grande, Deus esta cada dia mais me curando e me libertando, diz voltar aquelas coisas ruins esses dias mas Jesus foi me acalmando e me tirando, só tenho que agradecer Jesus por tantas bençãos, por ele estar restaurando a minha vida, meu casamento, minha família, se não fosse Deus, minha mãe, meus irmãos e minhas cunhadas não sei oque teria acontecido, obrigada Padre por nos transmitir esses momentos de fé, do amor de Deus, eu creio e peço para que Jesus aumente a minha fé todos os dias, e dia após dia ele está levando tudo de ruim embora, Deus seja louvado, que Deus o abençoe grandemente Padre, sua benção. amém


Em 11/03/2014 às 14h14

Curitiba/PR
Fortaleza/CE

Associação Evangelizar é Preciso: Caixa Postal 20548 CEP 81.810-981 - Curitiba/PR (ver mapa). Tel: (41) 3221-6060. E-mail: sas@evangelizarepreciso.com.br.

Loja e Atendimento ao Associado em Fortaleza: Av. Antônio Sales, 1357 Loja 19 esquina com Rui Barbosa CEP 60.135-101. Bairro Joaquim Távora - Fortaleza/CE (ver mapa). Tel: (85) 3016-3060.

Rádio Evangelizar AM1060: Para entrar em contato com a Rádio, ligue (41) 3221-6070.

Comercial Evangelizar é Preciso: Cadastro de revendas, comprar produtos Evangelizar por telefone e contato com departamento comercial, ligue (41) 3221-6050. Email: gerentecomercial@evangelizarepreciso.com.br