“Recebe, filho amado, este escapulário. Todo o que com ele morrer, não padecerá a perdição no fogo eterno. Ele é sinal de salvação, defesa nos perigos, aliança de paz e pacto sempiterno”, Nossa Senhora do Carmo


Nossa Senhora do Carmo, madrinha da Associação Evangelizar É Preciso, vai presentear os associados da Obra! A partir do mês de março, os associados que indicarem novos membros ganharão um escapulário a cada nova indicação efetivada.

As indicações podem ser feitas pelo formulário abaixo ou pela Central de Atendimento Telefônico da Associação, no número (41) 3221-6060.

O Escapulário de Nossa Senhora do Carmo

“Recebe, filho amado, este escapulário. Todo o que com ele morrer, não padecerá a perdição no fogo eterno. Ele é sinal de salvação, defesa nos perigos, aliança de paz e pacto sempiterno”. Foi com essa promessa que Nossa Senhora do Carmo, no século XI, presenteou o frei Simão Stock, que, preocupado com a inserção dos Carmelitas na Europa e, com isso o futuro da ordem, rezava e pedia por um sinal. A relíquia, originalmente, é composta de dois pedaços de pano marrom, que são unidos por um cordão, que é colocado sobre os ombros ou, do latim, scapulas.

Nas comemorações dos 750 anos do escapulário, em 2001, o Papa João Paulo II escreveu uma carta em que demonstrava toda sua estima por Maria e pelo escapulário. “Duas, portanto, são as verdades evocadas no sinal do Escapulário: por uma parte, a proteção contínua da Virgem Santíssima, não só ao longo do caminho da vida, mas também no momento da transição até a plenitude da glória eterna; por outra, a consciência de que a devoção a ela não pode limitar-se a orações e obséquios em sua honra em algumas circunstâncias, mas deve constituir um “hábito”.

INDICAÇÃO 1

INDICAÇÃO 2

INDICAÇÃO 3